18/11/2009

Permanecei no meu amor


Palavra. É tudo o que preciso. O meu alimento.
Mais uma vez volto a este texto e sou renovada por ele. Tenho vivido sob muita pressão, por mais que se organize, a mente vicia na preocpação, volta sempre a  pensar em coisas que já se resolveram, se envolve em ciclos de pensamento receoso de que alguma das milhares de coisas saíam errado, ou pareçam mal feitas, com jeito bagunçado. A mente pensa o tempo todo sem descanso. Revisa repetidas vezes uma centena de listas. E no fundo aquela sensação do tempo escapar por entre os dedos, indiferente a tudo o que ainda falta se resolver. Casamento é mesmo uma engrenagem em que milhares de coisas tem que dar certo ao mesmo tempo. E precisamos de estrutura pra não desmoronar quando alguuma coisa pequena falha. E mais estrutura ainda quando as coisas grandes não dão certo. Mudar o plano. Readequar sonhos. Agir por fé, tendo a fé somente.  A pressão emocional, física, espiritual, financeira é maior do que imaginei, só vivendo pra saber. Além de um mega evento pra ser organizado, ainda tem as grandes mudanças que sua vida está prestes a sofrer... e a vida normal também não pára.
Mas meu coração encontra descanso nas palavras o meu Senhor: Permanecei no meu amor.
Onde nada mais importa.