29/10/2010

29a. Bienal de Arte de São Paulo

" Hà sempre um copo de mar para um homem navegar"


Terreiros e questões